As Flores do Céu

1 Enquanto os Santos forem apenas pessoas-conceitos, como projeções moralizadas de vós mesmos, a camada cultural regional prevalece e a mente opaca ruminará fragmentos fermentados de folclore e penumbras de superstição criando uma gelatina astral em tormo do ser.

Mas a Nossa Energia move-se na direcção oposta.


2 AUR, a esfera da luz eterna, o véu da Mãe Universal que envolve a Terra, é tocada quando os Ardentes forem compreendidos - e sentidos - como campos de influência inteligente, como regiões do Logos com uma consciência-piloto, um Ser-campo, capaz de actuar instantaneamente em qualquer ponto da Terra.


3 Podemos chamar Mestres Ascensos ou Santos a estas influências pilotadas mas os Nossos enviados têm permissão para usar os nomes do futuro: os Axiais, os Ardentes, os Poderosos, os Flores do Céu, os Incadescentes, os Olhos-Mãos, os Hierarcas, os Leões do Deserto, o Abraço do Senhor.


4 É certo que estes Amplexos, pilotados por uma consciência vivente, em tempos foram parte do estrato humano do cosmos, viveram todo o termómetro trágico-cómico da existência humana. Nesse sentido são vossos pares e irmãos.


5 Estes Axiais, recusando-se a congelar o coração como uma defesa para as tempestades, pelo contrário ampliaram o seu calor além dos limites conhecidos vindo a emergir no Salão das Grandes Superfícies Verticais, a Câmara de Sha, a Câmara do Kumara, do Grande Transmutador.


6 É muito doloroso dissolver os limites do Íman no centro do Ser pois todo o coração, o aparelho ardente, a harpa de sete cores, vibrará ao mínimo toque do Bem e do Mal.


7 Mas porque num Ser Incandescente o coração foi universalizado eles formam regiões que emanam a força magnética ancorada no Coração de Cristo, que é infinito nas Suas possibilidades, e assim os Incandescentes atraem para si legiões de discípulos da vida. Estes dicipulos formam círculos concêntricos em torno do Piloto, daí o termo Hierarquias.


8 Existem arco-íris em esfera e ilhas fosforescentes no mundo de AUR, a Terra Última. E temos pontos de intercepção em todos os cinco continentes da Terra. Por isso afirmamos: cada ser é a sua própria chave para AUR, mas apenas pela sobrecarga testada no quotidiano os meridianos serão gradualmente saturados de Fohat.


9 Na verdade cada partícula da Terra aspira em sua essência a reproduzir AUR no tempo-espaco. AUR é o modelo materno-substancial para o vosso mundo.


10 Os Poderosos são os que pararam suas tarefas cósmicas para salvar um muito jovem veado preso na armadilha de um caçador, deixando uma pedra azul em substituição do animal resgatado. Na Montanha Branca damos sempre mais do que colhemos.


11 Quando asas crescerem nos teus pés e as dores da Terra forem plenamente sentidas mas não vos impedirem de ligar os dois mundos, então sabereis que foste aceite no campo de influência de um Axial, de um Ardente.


12 Portanto vai agora e conquista a Ponte pela doação do teu Ser ao desafio planetário. Flores invisíveis sobrevoam vossas cabeças. O seu perfume dissolve a dúvida e abre a memória para o Akasha.


_____ ALA 2015 -2022 As Cartas da Montanha Branca

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pontos de reflexão: 0 Uma meta-crise resulta na eclosão de um meta-mito. 1 Para a Direita: Nós não somos os nossos mitos nem as nossas identidades nacionais. 2 Para a Esquerda; Nós não somos os noss